Você está aqui: HomeNotícias › Notícia completa
06/04/2018 às 10:03
Polícia Militar prende casal acusado de tráfico de droga

No último dia 30, conforme REDs nº 2018-014122935-001, ao diligenciar até a residência da acusada EDIRANI SOUZA CHAGAS, 52 anos, do lar, natural de Uberlandia/MG, policiais a chamaram do lado de fora de sua residência. Segundo os policiais, eles foram recebidos pela Edirani e também pelo acusado ROBERTO ALVES CABRAL, 44 anos, servente, residente e natural de Tupaciguara. De acordo com os policiais, foi solicitada aos mesmos permissão para entrar a residência e realizar busca domiciliar, informando aos moradores as fundadas suspeitas de que naquele local estava sendo praticado o tráfico de drogas. Tanto Edirani quanto Roberto, autorizaram a entrada da PM e a realização das buscas.

De acordo com informações passadas pela PM, foram localizados pelo soldado Santana, em cima de um armário de cozinha e dentro de uma case de óculos, 15 quinze pedaços de substância esverdeadas semelhantes a “maconha”. A droga estava fragmentada e embalada pronta para o comércio. No reds está descrito que posteriormente ao encontro da primeira quantidade de droga, o acusado Roberto indicou espontaneamente para os policiais onde estava escondido o restante da droga. Segundo Roberto disse aos policiais, ele deseja ajudar a Justiça, em decorrência de um provável e posterior benefício da confissão espontânea. 

Após apontamento de Roberto onde se encontrava a droga, enterrada no quintal da residência, foi encontrada pelo soldado Santana uma sacola plástica, contendo 29 vinte nove tabletes de “maconha”. Os policiais disseram que droga já estava embalada e pronta para o comércio. Os tabletes foram pesados na balança Gehaka 3000 e totalizou aproximadamente 900 novecentos gramas de maconha. Também foi localizado pelo soldado Santana na carteira do acusado Roberto a quantia de R$ 193,00. O telefone celular de Edirani foi também apreendido, tendo em vista, de acordo com a PM, alguns autores de tráfico utilizam de celulares para comercializar drogas em redes sociais e que, dado a isto, é provável que a autoridade policial que irá presidir o inquérito possivelmente irá periciar o aparelho posteriormente. Segundo os policiais ainda foi localizado um pote cheio moedas que estava em cima da estante da sala, totalizando R$72,50. 

Diante dos acontecimentos, foi dada voz de prisão em flagrante delito, aos autores por tráfico de drogas ilícitas, sob a tese de que os acusados por se associaram no intuito de traficar drogas. De acordo com a PM os autores foram presos em flagrante delito e conduzidos até o delegado de plantão ilesos. A droga foi apreendida no total 44 tabletes de maconha. 

Veja mais sobre Policial [+ notícias]

Última Edição

Coluna Social

Confira aqui as notícias da sociedade e as fotos de quem é notícia de Tupaciguara e região.

Fórum do Leitor

Entre e deixe o seu comentario em nosso livro de visitas!